Sapadores Melhoram Desencarceramento em Braga - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

segunda-feira, 18 de março de 2019

Sapadores Melhoram Desencarceramento em Braga


"Portugal possui atualmente uma taxa elevadíssima de mortalidade em acidentes rodoviários, do qual o distrito de Braga está em terceiro lugar de sinistralidade rodoviária"

Os operacionais da Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga acabaram de receber formação para salvar melhor, principalmente na área de desencarceramento de vítimas de acidentes de viação cujo número e gravidade tem aumentado também no distrito de Braga.

A rapidez e a delicadeza com que se impõe o socorro aos sinistrados

“Como Portugal possui atualmente uma taxa elevadíssima de mortalidade em acidentes rodoviários, do qual o distrito de Braga está em terceiro lugar de sinistralidade rodoviária, onde também existe um aumento de feridos graves”, impõe-se desse modo esta ação de formação contínua na Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga, em que vão sendo permanentemente atualizadas as mais recentes técnicas de desencarceramento.

“É essa uma prioridade neste momento, do qual todos os agentes de proteção civil devem estar envolvidos e sincronizados, para que a qualidade do socorro seja cada vez mais eficiente ao cidadão que necessita dos primeiros socorros, aquando de um acidente de viação”, segundo a organização do evento, que teve como formador Rui Ribeiro, sendo a entidade formadora a Escola Nacional de Bombeiros.

Para a Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga, “a qualidade na formação para os seus operacionais têm sido a matriz ao longo dos últimos anos, sendo de salientar que que mais de metade do efetivo operacional possui já este Nível 2, ou seja, o master no que respeita a salvamento e desencarceramento”.

Foram testadas novas metodologias, onde se engloba o curso de Nível 2 (Chefe de Equipa de Salvamento e Desencarceramento), permitindo que estes operacionais estejam dotados “de um maior conhecimento, de novas ferramentas e obviamente que prestem cada vez mais um serviço em que a possibilidade de garantir não só, a vida, mas também a sua qualidade é o grande desafio da Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga”, salienta.

Este curso só foi possível graças à generosidade da empresa Recife – Desmontagem de Veículos, sediada em Braga, que cedeu doze automóveis, utilizados para serem retalhados durante a ação e formação, que motivou bastante os Bombeiros Sapadores de Braga, tendo a Recife, também com instalações em Viana do Castelo, Chaves e Vila Real cedido vários outros automóveis para ações formativas nos distritos de Braga, Viana do Castelo e Porto.

Fonte: ionline

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________