Menino e Bebé Dados como Desaparecidos Encontrados sem Vida em Valência - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 15 de março de 2019

Menino e Bebé Dados como Desaparecidos Encontrados sem Vida em Valência


As duas crianças, um menino de três anos e uma bebé de meses, estavam dadas como desaparecidas desde ontem, quarta-feira. Guardia Civil encontrou esta quinta-feira os cadáveres. Pais serão os principais suspeitos.

As duas crianças que tinham sido dadas como desaparecidas em Godella, na província de Valência, foram esta quinta-feira encontradas mortas pelas autoridades. De acordo com a imprensa espanhola, que cita fontes da Guardia Civil, terá sido a mãe e mostrar às autoridades onde estavam enterrados os corpos.

Os menores estavam dados como desaparecidos desde a manhã desta quinta-feira em circunstâncias consideradas suspeitas, tendo os pais afirmado que tinham fugido de casa durante "uma discussão" do casal.

Trata-se de um menino de três anos de idade e de uma menina que terá entre cinco a oito meses, não sendo possível, para já, precisar a idade correta.

Foram os vizinhos a chamar as autoridades, esta manhã, quando ouviram gritos e viram o homem a correr atrás da mulher com uma arma. 

Foi ativado um dispositivo de buscas com cerca de 110 operacionais, que varreram a zona em busca dos menores.

Os pais apresentaram, desde o início, um comportamento errático. O pai disse às autoridades que acorreram ao local que os seus filhos estavam mortos, segundo explica o El Español. "Não se preocupem, estão mortos", adiantou, logo pela manhã, mas sem precisar detalhes, dizendo apenas que a companheira lhe tinha dito que se tinham afogado.

O homem ficou detido assim que foi dado o alerta e a mãe foi encontrada depois durante a tarde, tendo levado os agentes até ao local onde estavam os corpos. 

Os pais, de acordo com o descrito pelo El País, têm cerca de 30 anos de idade. A mãe é de nacionalidade mexicana e o pai é de nacionalidade belga, sendo que ambos sofrerão de "alguma espécie de desequilíbrio" de ordem mental. Viviam numa casa abandonada que ocuparam, no município valenciano de Rocafort.

Fonte: Noticias ao Minuto

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________