Ricos e Celebridades Contratam Bombeiros Privados na Califórnia - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Ricos e Celebridades Contratam Bombeiros Privados na Califórnia


Os fogos maciços na Califórnia, que já fizeram dezenas de vítimas e obrigaram à retirada de centenas de milhares de pessoas, não foram iguais para toda a gente. Algumas celebridades e outras figuras mais abastadas tiveram a vantagem de poder contar com serviços privados. Entre elas, o casal Kim Kardashian e Kayne West.

A sua casa, avaliada em 50 milhões de dólares (43,78 milhões de euros), escapou à destruição graças a uma equipa privada de bombeiros que foi ao ponto de escavar trincheiras para travar o incêndio. Ao fazê-lo, salvaram igualmente outras casas vizinhas, cujos donos se manifestaram agradecidos.

Esse tipo de equipas geralmente são enviadas por companhias de seguros. Conforme explicou um porta-voz da polícia local, o seu estatuto é de civis - têm de ser autorizadas a entrar na zona evacuada, bem como a sair quando lho ordenarem. Também estão sujeitas a ser requisitadas para ajudar no esforço geral de combate ao fogo, embora isso pareça só acontecer raramente.

Outras técnicas que usam para proteger as propriedades seguradas incluem selar as condutas da casa e cobrir esta de materiais retardadores das chamas. Por vezes fazem mesmo literalmente tarefas de bombeiros, atacando o fogo com mangueiras e ajudando a retirar pessoas, ou pelo menos a orientá-las quanto às rotas a seguir.

Uma vez extinto o fogo, o trabalho não pára. É preciso detetar, por exemplo, se existem materiais cancerígenos nas habitações, criando todas as condições para os donos regressaram em segurança. É esse conjunto de serviços que justifica prémios de seguros na ordem nas dezenas ou centenas de milhares de dólares.

Fonte: Expresso

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________