Câmara Municipal de Borba ativa plano municipal de emergência - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Câmara Municipal de Borba ativa plano municipal de emergência


O presidente da Câmara de Borba, António Anselmo, revelou ter acionado esta quarta-feira o Plano Municipal de Emergência, na sequência do deslizamento de terras e o colapso do troço de uma estrada, com vítimas mortais.

O autarca disse que, de acordo com "as instruções recebidas" por parte do comandante distrital de Operações de Socorro de Évora, José Ribeiro, a Câmara "irá acionar, a partir deste momento [cerca das 12 horas], o Plano Municipal de Emergência".

"Tudo aquilo que é necessário da nossa parte está a ser perfeitamente cumprido e aceitamos tudo o que sejam sugestões concretas e corretas para resolver a situação o mais depressa possível", frisou António Anselmo, eleito por um movimento independente.

O presidente da autarquia falava aos jornalistas durante o ponto de situação efetuado pela Proteção Civil, às 12 horas, relativo às operações de socorro em curso em Borba, no distrito de Évora.

Após o ponto de situação operacional e questionado pelos jornalistas sobre o facto de ter acionado o Plano Municipal de Emergência, António Anselmo realçou a importância deste instrumento para apoio em termos logísticos, no âmbito da operação de resgate.

"Em termos logísticos", é necessário "um local para as pessoas comerem em condições, um local para tomarem banho, para poderem ter um tipo de apoio onde há muita gente", disse.

O autarca afirmou também que pretende garantir todos os meios necessários para que as operações de resgate "sejam feitas da melhor maneira e apoiadas da melhor maneira".

O deslizamento de um grande volume de terra da estrada, que provocou "a deslocação de uma quantidade muito significativa de rochas, de blocos de mármore e de terra" para o interior de pedreiras contíguas, ocorreu às 15.45 horas de segunda-feira.

O acidente, de acordo com a Proteção Civil, provocou, pelo menos, dois mortos, além de haver três pessoas desaparecidas.

Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário

________________________________________________________________

_______________________________________________________________

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________