Comandantes de Bombeiros em Formação para Nova Ferramenta Contra os Incêndios - VIDA DE BOMBEIRO

--------------------------------------------------------------------------------------------------

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

domingo, 15 de julho de 2018

Comandantes de Bombeiros em Formação para Nova Ferramenta Contra os Incêndios


O secretário de Estado da Proteção Civil visitou hoje as instalações do Centro de Formação da Escola Nacional de Bombeiros, onde está a decorrer o Curso de Planeamento e Antecipação de Incêndios Rurais.

"Esta nova ferramenta, em função da temperatura ambiente, da velocidade dos ventos, direção dos ventos, topografia dos terrenos e quantidade de biomassa presente no terreno, pode dar informação sobre o fogo e para onde vai", disse o governante à agência Lusa.

José Neves explicou que esta nova ferramenta já está pronta a ser utilizada, estando a ser finalizada a formação de comandantes de bombeiros para que a possam interpretar da melhor maneira.

"Temos a estrutura na Autoridade Nacional de Proteção Civil já formada, com equipas da Força Especial de Bombeiros. O que queremos é que dois comandantes por distrito conheçam bem o programa, para receberem informações e conseguirem interpretá-las", explicou.

Segundo o responsável, na próxima semana a formação de todas as equipas vai estar terminada, referindo que existe "grande entusiasmo" com este novo programa.

"Este é um instrumento muito importante para um comandante das operações perceber em que local deve atacar o fogo. Esse programa permite também saber o tempo de percurso do fogo, permitindo ao comandante saber o tempo que demora a chegar a uma aldeia ou a uma estrada", frisou, referindo que ajuda até nas tomadas de decisão sobre eventuais evacuações.

O secretário de Estado salientou ainda que o programa tem o apoio de aviões de coordenação, com imagem aérea, o que permite perceber se a ferramenta está a dar todos os 'inputs' certos.

José Neves defendeu que o programa já está testado e que é também um complemento a uma outra ferramenta que está disponível e que permite ao comandante das operações perceber onde estão todos os meios localizados.

"Neste curso que visitei existe um grande entusiasmo dos operacionais que estão em formação e foram unânimes em transmitir que é uma ferramenta estruturante e necessária para melhor atacar os fogos, em especial os grandes incêndios", concluiu.

Fonte: DN

Sem comentários:

Enviar um comentário