FPF e Vodafone doam viatura aos bombeiros de Figueiró dos Vinhos - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

sexta-feira, 8 de junho de 2018

FPF e Vodafone doam viatura aos bombeiros de Figueiró dos Vinhos


A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Vodafone Portugal entregaram hoje um veículo florestal de combate a incêndios aos Bombeiros Voluntários de Figueiró dos Vinhos, um dos concelhos mais afetados pelos fogos de junho de 2017.

A doação do veículo àquela corporação do distrito de Leiria, que custou 178 mil euros, resulta do compromisso solidário assumido pela FPF e Vodafone no jogo da Supertaça Cândido de Oliveira da época passada, entre o Benfica e Vitória de Guimarães, que terminou com a vitória da equipa lisboeta.

"Não podíamos ficar alheios aos trágicos acontecimentos do ano passado", disse Fernando Gomes, presidente da FPF, salientando que o organismo tem demonstrado ser "muito mais do que uma federação desportiva".

O dirigente destacou ainda outras ações solidárias realizadas pela federação, entre elas a recuperação de 12 casas consumidas pelas chamas nos incêndios de junho e outubro, que assolaram a região Centro.

Segundo Fernando Gomes, metade das casas já foram reconstruídas e entregues aos seus proprietários e as restantes deverão ser entregues no final das férias de verão.

Trata-se de um investimento total de 720 mil euros, conseguido através da angariação de meios durante a realização de jogos amigáveis da seleção nacional de futebol disputados em novembro de 2017.

Outras iniciativas de responsabilidade social da FPF para os concelhos afetados pelos incêndios de junho e outubro passa pela atribuição de 23 bolsas de estudo para jovens que vão ingressar no ensino secundário.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Figueiró dos Vinhos, Paulo Renato, explicou que a nova viatura florestal de combate a incêndios vem substituir um veículo com 42 anos, que já não oferecia condições de operacionalidade nem de segurança para os tripulantes.

"Esta viatura vem permitir um trabalho com mais rapidez e mais seguro, sendo uma mais-valia para o corpo de bombeiros", sublinhou o comandante, que aguarda ainda a chegada durante o verão de dois novos veículos de combate a incêndios florestais.

Noticias ao Minuto

Sem comentários:

Enviar um comentário