Homem Encontrado Morto no Combate a Incêndio Numa Casa em Guimarães - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Homem Encontrado Morto no Combate a Incêndio Numa Casa em Guimarães


Um homem com cerca de 60 anos morreu, ao início da tarde desta quinta-feira, num incêndio numa casa da freguesia de Balazar, em Guimarães. Foi encontrado nos escombros.

O alerta para os Bombeiros Voluntários das Taipas foi dado às 13.50 horas, disse fonte da corporação que mobilizou quatro veículos e 15 bombeiros. Chegados ao local, na Rua da Casa Nova da freguesia de Balazar, os bombeiros encontraram parte da casa tomada pelas chamas.

Inicialmente pensou-se que o único morador daquela habitação pudesse estar fora, mas o pior cenário confirmou-se quando os bombeiros o encontraram nos escombros de um quarto que cedeu. A vítima mortal tem cerca de 60 anos e morava sozinho.

O alerta para o incêndio foi dado por vizinhos que viram o fumo a sair da habitação. A propagação foi rápida. "Começou a ver-se um fumo muito ligeiro e em cinco minutos já estava a arder em todo o lado daquela parte da casa", disse Fátima Silva, uma vizinha.

Segundo moradores, os Bombeiros das Taipas foram rápidos a chegar com os três primeiros veículos, os de combate ao fogo, o que permitiu que as chamas não se alastrassem às restantes divisões da habitação, uma casa grande feita de pedra perto da igreja daquela freguesia vimaranense.

Pelas 15 horas os bombeiros ainda procediam aos trabalhos de ventilação da casa e aguardava-se pela chegada do delegado de saúde para confirmar o óbito de forma a proceder-se à remoção do cadáver para a morgue do Hospital de Guimarães.

Desconhece-se, para já, o que terá originado o fogo. No local esteve a GNR do posto das Taipas mas o caso deverá passar para a Polícia Judiciária de Braga..

Fonte: JN

Sem comentários:

Enviar um comentário