Suspeito de Incêndios na Madeira Condenado a Três Anos de Prisão Efetiva VIDA DE BOMBEIRO: “Lei da Rolha Serve para Encobrir Incompetência”, Afirma Jaime Marta Soares

terça-feira, 25 de julho de 2017

“Lei da Rolha Serve para Encobrir Incompetência”, Afirma Jaime Marta Soares


Os bombeiros estão este ano com grandes dificuldades em travar incêndios que rapidamente atingem grandes dimensões – inclusive de tragédia, no caso de Pedrógão Grande, com dezenas de mortos. No terreno, a relação entre a Autoridade Nacional da Proteção Civil e os bombeiros já conheceu melhores dias. Agora a tutela proibiu os comandantes de falar à comunicação social. 

CM – O que é que está este ano a correr mal no combate aos incêndios florestais? 

Jaime Marta Soares – A nossa floresta está pior a cada ano que passa. É uma autêntica selva. Por outro lado, temos tido dias de muito calor com vento forte. Estas condições são explosivas e favoráveis ao evoluir das chamas. 

– Não acha que o combate inicial aos fogos está a falhar? 

– Sim. Em minha opinião, o primeiro helicóptero a avançar devia levar logo um balde pronto a descarregar água. O que se passa é que primeiro leva uma equipa de sapadores e só depois vai começar a trabalhar com o balde. 

– É dos que mais critica a lei da rolha imposta pela ANPC. Qual será o grande objetivo deste filtro comunicacional? 

– Não vejo outro motivo que não seja a tentativa de encobrir a incompetência de muitas pessoas que ocupam o topo da pirâmide em todo este sistema da proteção civil. 

– Os incêndios florestais deste ano confirmam que se voltou a falhar na prevenção e deteção. Concorda? 

– Sim, há grandes falhas a montante dos incêndios. Tem de se apostar na rápida deteção dos focos de incêndios, colocando meios aéreos no ar em vigilância na hora crítica do começo dos fogos [entre as 13h00 e 16h00]. Os aeroclubes podem ter aqui um papel importante. 

– O Ministério da Administração Interna estava preparado para fazer face aos incêndios florestais? 

– Não estavam preparados para situações extremas como temos vivido este ano. Os responsáveis pela tutela terão ficado surpreendidos com muitas coisas que aconteceram. 

– Espera um verão difícil? 

– Se o São Pedro não vestir a farda de bombeiro vai ser muito complicado.

Correio da Manhã
Comentários
0 Comentários

Sem comentários:

Enviar um comentário

2015 Copyright – Todos os Direitos Reservados : VIDA DE BOMBEIRO