Pânico em Acidente Brutal com Autocarro - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Pânico em Acidente Brutal com Autocarro


Um jovem condutor, de 23 anos, sofreu ferimentos graves na sequência de uma violenta colisão do automóvel em que seguia com um autocarro, ontem à tarde, na rua do Jardim, em Vilar do Paraíso, Vila Nova de Gaia. 

Dez passageiros do pesado viveram um enorme susto e dois tiveram mesmo de ser hospitalizados. "Estava a passar na rua quando vi uma ambulância do INEM a chegar. Olhei para o carro e pareceu-me ser o meu sobrinho, mas só quando vi a minha cunhada a chegar, sobressaltada, é que tive a confirmação de que era ele", referiu ao CM uma tia de Vítor Silva, ferido grave que reside em Mafamude, Gaia. 

O autocarro da União dos Transportes dos Carvalhos seguia com dez passageiros em direção a Espinho quando terá sido surpreendido com a entrada do automóvel na via, pela direita, mas sem prioridade. Do acidente resultaram ainda dois feridos ligeiros – um homem de 75 anos, e uma mulher, de 37, que seguiam no pesado. "Iniciámos, de imediato, o trabalho de extração da condutor encarcerado com apoio da viatura médica do INEM de Gaia. 

Foram prestados cuidados aos dois outros feridos, que se encontravam no autocarro", contou Jorge Prazeres, comandante dos Bombeiros de Valadares. A estrada esteve cortada nos dois sentidos durante três horas e meia para remoção das viaturas e lavagem do piso. Dezenas de pessoas juntaram-se no local, entre elas familiares das três vítimas, que foram transportadas para o Hospital de Gaia.

Fonte: CM

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________