Hospital de Braga Rejeita que Surto nos Sapadores tenha Tido Origem em Incêndio na Ala Psiquiátrica - VIDA DE BOMBEIRO

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Hospital de Braga Rejeita que Surto nos Sapadores tenha Tido Origem em Incêndio na Ala Psiquiátrica

 


O Hospital de Braga “refuta” as afirmações do comandante dos Bombeiros Sapadores de Braga, segundo as quais o surto de covid-19 na corporação teve origem no combate ao incêndio na ala de psiquiatria daquela unidade em março do ano passado.


Em nota enviada a O MINHO, o Hospital de Braga “refuta as afirmações de que o incêndio ocorrido na ala de psiquiatria do Hospital de Braga, em março do ano passado, foi a causa do surto de contágio dos Bombeiros Sapadores de Braga, uma vez que nunca se conheceu a fonte inicial de contágio”.


A tomada de posição do Hospital de Braga surge após João Felgueiras ter afirmado, à margem da vacinação dos bombeiros, que no surto de covid-19 verificado o ano passado no seio da corporação bracarense, a contaminação ocorreu “no combate ao incêndio” na ala de Psiquiatria do Hospital de Braga, na manhã de 25 de março de 2020.


“O Hospital de Braga não pode aceitar discursos meramente especulativos, reiterando que nunca houve qualquer tipo de ligação entre as duas situações”, salienta a nota enviada a O MINHO, acrescentando que “outras Corporações estiveram envolvidas no combate a este mesmo incêndio e não se verificaram casos de infeção nessas Corporações, bem como na equipa de profissionais do respetivo Serviço de Psiquiatria”.


“Reforça-se o valor e o respeito pelo trabalho desenvolvido pelas Corporações de Bombeiros junto da Instituição e da Comunidade sendo, no entanto, do entendimento do Hospital de Braga importante o esclarecimento das declarações mencionadas para reposição dos factos”, conclui a nota.


Fonte: O Minho

Sem comentários:

Publicar um comentário

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________

________________________________________________________________